Notícias

CURSO DE APRIMORAMENTO NO TRATAMENTO DAS PSICOSES

    O que se quer dizer quando se fala em Clínica das Psicoses? Se considerarmos a especificidade desta clínica, nos confrontamos com uma gama de variáveis que se configuram como algo da ordem do impasse ao tratamento das Psicoses. Frente a isto, faz diferença que possamos pensar em modalidades de tratamento que possibilite ultrapassarmos os limites supostos para esta clínica.

    Engendrada no campo da saúde mental seja pelo viés clínico, político ou teórico; o Instituto A Casa vem há 30 anos discutindo e praticando a questão da saúde em diversos projetos. Desde a sua fundação, com o Hospital Dia como seu carro chefe, a instituição esteve em diversos projetos governamentais e em convênios com diversas instituições públicas e particulares coordenando programas ou em programas de supervisão. Sempre preocupada com a questão humana e inventando dispositivos que rompam com os paradigmas contemporâneos, tratando de enxergar a questão das relações de forma a possibilitar uma compreensão do atual.

    Isso se dá através da instauração de diferentes dispositivos grupais, cuja finalidade é a aposta nos recursos destes sujeitos. O olhar institucional não se dá pela via do impasse ou dos limites que esta clínica pode apresentar, a aposta é pautada nos recursos disponíveis em cada um, que certamente só poderão emergir se houver disponibilidade no meio institucional, cultural. Dessa forma cada paciente é visto em sua singularidade, e o projeto terapêutico de cada um é construído a partir desses pressupostos.

    A equipe do Hospital- dia do Instituto A CASA é interdisciplinar, tem a Psicanálise como teoria de base para a compreensão da subjetividade dos pacientes e a terapia grupal como dispositivo terapêutico de escolha, levando-se em conta a multiplicação de fenômenos e vivências propiciadas e a potência terapêutica do espaço criado. A equipe conta com psicanalistas, psicólogos, psiquiatras, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, acompanhantes terapêuticos, educadores, artistas e orientadores, permitindo que o acompanhamento dos pacientes seja permanente.

    O cotidiano do Hospital-Dia oferece grupos terapêuticos verbais e expressivos:
  • Grupo de psicoterapia.
  • Grupo de terapia ocupacional.
  • Grupo de fotografia.
  • Grupo de culinária.
  • Grupo de passeio.
  • Grupo de música
  • Grupo de discussão sobre o feminino e o masculino.
  • Terapia e orientação familiar.
  • Grupo de familiares.
  • Grupo de teatro
  • Jornal
     

  Algumas atividades são externas, como as de cunho cultural ou social. São acompanhadas por uma equipe especialmente preparada para essa tarefa fundamental na integração psicossocial do paciente.

    Através desta visão integral do paciente, que busca o tratamento do núcleo gerador da problemática emocional/afetiva, proporcionando a convivência e tolerância com a presença dos outros, a orientação familiar constante, a participação nos grupos criativos e produtivos, o exercício de circulação pela cidade e outras atividades, o Hospital-Dia oferece um tratamento intensivo ao paciente, para que sua inclusão social seja ativa.

    Um dos pressupostos iniciais e mantidos até hoje é relacionado à formação, tanto de estudantes de Graduação de Psicologia e Terapia Ocupacional, quanto a de profissionais da área que se formaram na clínica das psicoses ao longo desses anos através de um programa que vem sendo aprimorado.

    Ampliando esse projeto, propomos hoje um curso de aprimoramento na clínica das psicoses e neuroses graves sustentada em 3 eixos básicos: teoria, clínica e supervisão.


I. Eixo teórico /clínico:

1. Apresentação da Instituição:
-Mapeamento da Instituição:
-Funcionamento Institucional.
-Especificidade do tratamento em regime de Hospital–Dia.
-Posição da Instituição com relação a Saúde Mental hoje no Brasil

2. Equipe interdisciplinar:
-Como trabalham os profissionais inseridos na Instituição?
-Como se sustentam os diferentes discursos no âmbito institucional e como se dão as interlocuções possíveis neste contexto?

3. Especificidade e finalidade do tratamento:
- A quem se destina o tratamento em Hospital-Dia?
- Entrevista inicial: Quais os critérios de avaliação para a inclusão de um paciente na Instituição.
-Projeto terapêutico: O que norteia as indicações aos diferentes dispositivos grupais para cada paciente.

4. Dinâmica grupal:
-Proposta e finalidade dos espaços grupais promovidos pelo Instituto.
-Qual o sentido do trabalho em grupo?
-Qual a especificidade dos diferentes espaços grupais?
-O que são grupos abertos e grupos fechados, e o que marca a diferença entre eles?

5. Mini equipes ou equipes de referência:
-Como funcionam e quais são as funções das mini equipes configuradas na Instituição?
-Por que equipes de referência?

6. Acompanhamento Familiar:
-Qual a importância da implicação das famílias no tratamento?
-Qual a finalidade das reuniões familiares e o que é trabalhado no espaço das reuniões?

II. Conceituação teórica a partir do referencial Psicanalítico:
-Transferência:
-O que se quer dizer quando se fala em transferência no âmbito institucional?
-Qual seria a especificidade da transferência na clínica das Psicoses e Neuroses graves?
-Se traçarmos um paralelo à clínica individual, o que marca a diferença deste conceito na Instituição, onde a prática clínica é feita por muitos?
-Constituição subjetiva:
-O que define a posição subjetiva da cada sujeito?

    O curso de aprimoramento promovido pelo Instituto “A Casa” visa contribuir e enriquecer àqueles que se interessam pelo tema, ao promover a inserção dos participantes no meio institucional e oferecer a possibilidade de um olhar próximo a este processo intenso; o que implica em poder presenciar as modalidades de tratamento clínico das Psicoses, assim como os efeitos produzidos pelos dispositivos institucionais.

    Para isso um apoio fundamental à esta vivência é a supervisão que ocorrerá semanalmente tendo em vista a necessidade de um entendimento e por vezes de uma reorganização das intervenções possíveis ou impossíveis.

    O acompanhamento teórico acontecerá semanalmente com encontros de estudo e discussão.

Carga horária semanal
Discussões teóricas: 2 horas
Prática Institucional: 10 horas
Supervisão: 1 hora 30 minutos
Duração total: até dezembro    
Investimento
Inscrição para entrevista seletiva: 50,00
10 mensalidades: R$ 300,00
vagas limitadas

Os interessados deverão mandar um currículo junto com uma carta de intenção para o endereço eletrônico: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Outras dúvidas entre em contato no mesmo endereço eletrônico ou no telefone 55740677.

Chegou o bazar!

 
  
 
     BAZAR DE NATAL 
  
         Oficinas "A CASA": mosaicos, caixas decoradas, artesanato  
em madeira, mesas, bijuterias, camisetas, bolsas, chaveiros,  
enfeites de natal. Adriana: pães de mel. 
Beth Barreto: bijuterias em prata. Cina: tricots. 
Culinária da Casa: geléias, pimentas e conservas. 
Débora Coelho: brechó. Feito a mão: brinquedos. Iza: brechó. Joe:  
Hecho a mano - artes &artes. Josefina Chocolates: trufas. Madamix:  
bolsas e acessórios. Oritê: artesanato em origami. Projeto Novos  
Talenos: porta-retratos scrapbook. Regina: acrílicos. Rogéria:  
caixas decoradas. Santa Carambola: arte em tecidos. Xaa: bolsas.  
Xêro!: produtos de banho. Zaire: camisetas e almofadas. 
  
05 de dezembro sábado das 11h às 17h 
 06 de dezembro domingo das 11h às 17h 
  
Rua Dr. João Maia 118 
Aclimação 
www.acasa.com.br 
 

A DIRETORIA DO INSTITUTO A CASA CONVIDA PARA SEMINÁRIO TEÓRICO-CLÍNiCO

A DIRETORIA DO INSTITUTO A CASA CONVIDA PARA  
 
SEMINÁRIO TEÓRICO-CLÍNiCO 
 
Convidado: Flávio Carvalho Ferraz 
 
Tema: Perversão e psicose: alguns alinhavos. 
 
 
Coordenação: Beatriz Aguirre 
No decorrer do semestre, os seminários continuam apresentando uma programação baseada em temas nos quais se sustenta atualmente o trabalho clínico do Hospital – dia.  
 
23/11/2009 – segunda-feira - 20h30 
 
______________________________________ 
Rua Batista Cepelos, 204 - Aclimação 
Entrada aberta para terapeutas e estagiários 
Tel.  11 5574-0677 
www.acasa.com.br  
 

Pesquisa no site

Convênios

convenios