A CASA

      logo acasa      

               Vivemos um momento grave em que os princípios de tolerância, respeito às diferenças e aos direitos individuais vêm sendo desmerecidos e relativizados em pleno debate eleitoral. Um discurso com viés autoritário prega soluções simplistas para os problemas do Brasil, à margem da institucionalidade democrática, quando não ousa dizer que a democracia seria ela mesma, um entrave. O Instituto a Casa não poderia deixar de posicionar-se, pois Saúde e democracia são temas caros à nossa própria historia. Faz 40 anos que nos dedicamos ao tratamento, à formação de profissionais e à pesquisa em Saúde Mental. Nossa trajetória coincide com o período de redemocratização do Brasil e com os esforços para   implementar um sistema de saúde à altura dos desafios da sociedade, marcada por enormes carências e necessidades. Desde o lugar que ocupamos como alternativa pioneira às praticas asilares, procuramos construir um pensamento clínico e teórico que se volta para compreensão da subjetividade e suas formas de expressão e sofrimento no mundo contemporâneo.   Pensamos a promoção de saúde no sentido mais amplo, multidimensional e não apenas normativo ou adaptativo.   Trabalhamos para dar voz ao que é “próprio” e “singular” em cada individuo, de modo que ele possa ser reconhecido, incluído, valorizado.   Neste sentido, o respeito à diversidade (étnica, cultural, de gênero, religiosa) não é apenas uma bandeira ( de grande relevância na sociedade atual), mas a base concreta e a matéria prima do trabalho clínico que realizamos. Por estas razões, inclusive, estaremos atentos ao desdobrar da cena política, em vigília permanente ate o desfecho do atual processo eleitoral ( e se for preciso, para além dele).

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO E PESQUISA DA SAÚDE MENTAL E PSICOSSOCIAL “A CASA”

Rua Dr. João Maia, 118 – Aclimação – São Paulo – CEP 04109-130 – Fone (11) 5574.0677

www.acasa.com.br   E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Pesquisa no site

Convênios

convenios